Author Archives: cesviver







O Dia da Criança

Sendo hoje 01 de junho de 2021 e comemorando-se o Dia da Criança, foi com este assunto que se iniciou a sessão das denominadas “Tardes de Terça-feira”. Apresentação, em PowerPoint, de artigos de forma a recordar: quando, porquê e para quê a necessidade deste dia. As aderentes fizeram a leitura de frases e poemas alusivos a esta data.

Iniciou-se o tema escolhido no âmbito do projeto Um Livro, Uma Companhia que recaia no escritor Miguel Torga

Foi pedida a participação das presentes para se pronunciarem sobre o autor. A senhora D. Rosa Maria Martins, já com a bonita idade de 84 anos, prontamente nos transmitiu tudo o que sabia. Ao terminar foi aplaudida por todas. Ainda houve outras aderentes que participaram intervindo ou mostrando um livro antigo de Miguel Torga.

Continuou-se com breve alusão à biografia e bibliografia do autor, a fim de completar o que faltava dizer.; Leitura e interpretação de poemas sobre a Criança.

Terminou-se a tarde com esta frase:

R.M.D.

Miguel Torga e a Poesia

Poemas para o Dia da Criança



Saúde Mental

Categoria :Bem Estar e Saúde

Saúde da Mente em tempo de Pandemia foi o tema para a sessão do dia 25 de maio de 2021 sob a orientação do Dr. Vitor Vitorino, tento abordado os seguintes pontos:

- Relacionamentos saudáveis

- Autoconhecimento

- Caminhos para uma vida mais saudável e feliz.

Começou por falar sobre a assertividade como sendo a postura correta nos relacionamentos com os outros. Para que haja um relacionamento saudável é necessário haver respeito e transparência de linguagem. São comportamentos assertivos aqueles que envolvem a manifestação direta, pelo próprio, das suas necessidades, preferências, emoções ou opiniões sem, contudo, demonstrar ansiedade indevida ou excessiva e sem ser incorreto ou violar os direitos do outro.

Explorou este assunto referindo-se ao tipo de comportamentos – assertivo, agressivo, passivo ou manipulador – utilizando para além de exemplos elucidativos o recurso a provérbios. Ninguém é cem por cento assertivo e “respeitar os outros não é concordar plenamente, por não concordar não precisa ficar zangado”.

Procedeu à leitura e reflexão do texto A Canoa, de Paulo Freire.

Fez a apresentação, sucessivamente, das frases “Nascemos para sermos felizes” e “Temos a obrigação de tornar felizes, todos aqueles que escolhemos para entrar na nossa vida”, pediu à assistência para se pronunciarem sobre as mesmas. Referenciou os princípios para viver feliz, com tranquilidade e paz de espírito, alertando para as atitudes, a tomar perante as situações que na nossa vida, sugeriu a utilização de três perguntas - Quero? Posso? Devo? – em que servirão de orientação a fim de, com lucidez, se tomar uma decisão consciente. Para melhor compreensão realizou a experiência da folha de papel, que depois de amarrotada, mesmo que muito se alise nunca fica a mesma e reportou-a para as nossas atitudes para com os outros.

Apresentou uma lista de “dezoito propostas para uma Vida Saudável e Feliz”, das quais só leu e explorou as três primeiras. Deixou como mensagem a sugestão de continuarem a leitura, posteriormente, e meditarem sobre cada uma das frases. Estas referiam-se a ferramentas para se ter uma Mente Positiva: Foco no presente, companhias positivas, ser prestativo a todos; descansar, ouvir músicas que animem, fazer exercícios, comer saudável, usar palavras construtivas, ser grato(a) e meditar.

Após a intervenção do Dr. Vitor Vitorino, a quem muito agradeço, continuei a sessão desta tarde com a apresentação de poemas de Miguel Torga, dois dos quais foram escolha da professora Maria José Vaz, e cuja leitura esteve a cargo dos presentes.

        Rosa Maria Duarte

Em Tempo de Pandemia

Literatura poética


Funcionalidades de Comunicação

Categoria :Atividades Lúdicas

Esta semana, por motivos justificados, não foi possível dar cumprimento ao nosso plano de trabalho, pelo que houve a necessidade de fazer uma nova escolha.

Como as aderentes que frequentam as tardes de terça-feira gostam de atividades lúdicas, convidei para orientar a sessão a professora Inocência Bolas, a quem agradeço.

Não é somente por o grupo gostar deste tipo de sessão, mas porque a prática de atividades lúdicas e criativas proporcionam à pessoa idosa benefícios em termos cognitivos, emocionais e sociais e contribuem, por um lado, para preservar as suas funções intelectuais e cognitivas e, por outro, constituem um fator de promoção da saúde, em termos globais.

Para hoje, os objetivos traçados pela professora orientadora foram os seguintes: estimular a compreensão e a memória e desenvolver as competências da leitura. Para justificar os objetivos citou “face às dificuldades que poderão surgir com o processo de envelhecimento é importante desenvolver atividades que proporcionem a estimulação linguística e que por sua vez contribuam para melhorar a funcionalidade comunicativa”.

Neste contexto as senhoras realizaram: diversos exercícios de oralidade, compreensão da leitura e movimentos.

Rosa Maria Duarte

Diferentes formas de Comunicar